Home

Diz o senso comum que há sempre uma criança dentro de nós, um lado infantil que nunca se perde por muito que a idade possa avançar. Curioso é verificar que esta faceta mimada e irreverente manifesta-se nas mais diversas situações sob múltiplas formas, e nem os homens de barba rija a ela conseguem escapar. Exemplo disso mesmo foi a última conferência de imprensa do treinador do FC Porto, onde um Vítor Pereira quase comovido tentou justificar as derrotas da sua equipa com os cartões vermelhos que os seus jogadores têm recebido, com os penalties que têm cometido e até com a cobertura mediática que a imprensa tem efectuado relativamente à sua pessoa e ao clube que representa. Perante tamanha birra e mau-perder, pena foi que naquela mesma sala não estivesse ninguém capaz de lhe colocar uma chupeta na boca e de lhe dizer: “Está na hora da caminha, Vitinho, vamos lá dormir!”.

Ao contrário do icónico desenho animado que se deixa embalar pela enternecedora voz maternal, Vítor Pereira não vai na cantiga e não se deixa adormecer, pelo menos por enquanto. Tal como uma criança que por muito que lhe estejam a pesar os olhos insiste em dizer “não tenho sono, não quero dormir, não quero!”, o ainda treinador do FC Porto vem a público afirmar que a ele ninguém o engana e que ninguém lhe atira areia para os olhos, por mais que toda a gente saiba que a sua estadia naquele clube nortenho tem os dias contados. Não seguindo o exemplo do mais pequenino, e talvez porque as crianças nunca gostam de perder, este Vitinho grande não desiste de alimentar a sua birra e continua a choramingar sozinho pelos cantos, invocando os mais insensatos motivos para desculpar o seu próprio insucesso; e já ninguém o pode ouvir.

Antes de lhe sussurrarem ao ouvido a derradeira cantiguinha de dormir, é necessário que alguém lhe diga em voz alta umas boas verdades ponto por ponto, como forma de acalmar o choro a muitos e abrir os olhos a esta opinião pública amestrada. É fundamental relembrar Vítor Pereira que o jornal O Jogo e o Porto Canal funcionam como órgãos oficiosos de propaganda e defesa do clube do dragão, e que mesmo os restantes meios de comunicação social do país tendem a ser muito brandos quando se trata de criticar o emblema azul e branco, vá-se lá saber por quê. É também imprescindível explicar-lhe que as regras do futebol comtemplam a marcação de grandes penalidades e a amostragem de cartões vermelhos, e que se os jogadores caceteiros do Porto não resistem em dar umas valentes ceifadas nas pernas dos adversários nos jogos decisivos a culpa é apenas deles próprios e do seu treinador, nunca de um qualquer factor externo ou do azar. Para além disto, e ainda antes do Vitinho ir para a caminha, seria óptimo se alguém lhe comunicasse que a liberdade de imprensa consta na Constituição de Portugal e que não há nada mais natural que face aos maus resultados um treinador veja a sua continuidade no respectivo cargo ser questionada pelos media, independentemente das características do seu contrato ou do clube em questão.

Depois de tomar consciência de todas estas realidades pode ser que Vítor Pereira termine a sua birra, que a expressão amuada e olho brilhante desapareçam, e que aquele que é o treinador do FC Porto ganhe a coragem de chamar para si mesmo a responsabilidade do fracasso que está a ser esta temporada. Seria esta a única forma de Vítor Pereira sair do clube do Dragão com alguma honra, até porque o seu destino já está traçado e no final da época lá estará o papá Pinto da Costa a mandá-lo ir brincar para outro recreio, através de palavras mansas que lhe trarão de volta o choramingar de quem não quer: “Boa noite Vitinho, dorme bem”.

Diogo Taborda desenhoDiogo Taborda

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s