Home

Há quem diga que o mundo é pequeno, eu não concordo. Entre milhares de quilómetros de terra, o mundo é grande em tamanho e ainda maior pelas diferenças que separam os homens que nele habitam. Homens de feições e cores distintas, de culturas divergentes, de hábitos e costumes que não coincidem.  Homens que têm em comum a racionalidade mas que a utilizam das mais variadas formas e para os mais desprezíveis fins. É esta larga amplitude de pensamento que torna o mundo tão grande quando analisado pela lupa de homens que se tornam tão pequenos pelos actos por si praticados.

Do Uganda vem o mais recente exemplo da ainda crescente desumanização da humanidade. O Parlamento daquele país africano acaba de aprovar uma lei que pune os homossexuais com uma pena que pode variar entre os dois anos de cadeia e a prisão perpétua, uma medida vista pelos deputados locais como “uma vitória do Uganda contra o mal, apesar do que o mundo lá fora pensa”. A medida ainda necessita da aprovação do Presidente Yoweri Museveni para entrar em vigor, mas mesmo que seja chumbada o atentado moral contra os direitos do Homem está desde já consumando.

A capacidade que o Homem tem para se ferir a si próprio é impressionante. Impulsionado na grande maioria das vezes por arcaicos dogmas religiosos, este ser racional ataca-se e autodestrói-se fazendo sempre valer a lei do mais forte, a regra do predador e da presa, tal como fazem os animais da selva. Fará sentido que depois de todas as experiências traumáticas que a História presenciou se continuem a praticar tais atitudes discriminatórias?

No Uganda ser homossexual pode ser punido com uma vida inteira passada atrás das grades, mas outros locais existem onde se perseguem os seguidores de determinada religião ou os indivíduos de determinada cor de pele. Em África ou na Europa, atentados continuam a ser praticados por toda a parte apesar de o bom senso nos indicar as noções de certo e de errado. As minorias e os grupos mais vulneráveis continuarão a ser perseguidos sem fundamento, num mundo injusto e desigual que é muito maior do que aquilo que parece.

diogo-taborda-desenho-e1360007654750Diogo Taborda

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s