Home

O Sporting não ganha títulos há muitos anos, mas pior do que isso é o facto de nem sequer lutar por eles. Ultimamente bastam 3/4 meses após o início da época para a equipa escorregar e vir ladeira abaixo fazendo penar os adeptos nos meses que faltam. Este ano parece que não vai ser diferente. Em poucos meses o Sporting já bateu recordes no número de autogolos marcados, no número de empates caseiros com equipas medíocres – quando algumas nem sequer estacionam autocarro – na quantidade de erros defensivos, nas diversas chances de golos e bolas paradas desperdiçadas inutilmente, sem falar nos vários momentos de desorganização colectiva que marcam esta temporada.

A época passada foi uma excepção já que apesar de terem batido o recorde de golos mal anulados a favor e de penaltis claros por marcar da Liga, os leões foram sempre muito organizados, compactos e competitivos. A equipa sofria com a ausência de um extremo acima da média e de um número 10 mas tinha mentalidade competitiva e solidez nos vários processos de jogo. Hoje o que se vê é uma equipa de duas caras. Em certos jogos dá a sensação de ter treinado arduamente durante a semana e estar bem preparada para os combates e noutros é um desastre.

A irregularidade e as medíocres exibições do Sporting mostram que ao contrário do que defendia Inácio, os leões estão longe de partir da "pole-position" dos candidatos ao título.

A irregularidade e as medíocres exibições do Sporting mostram que ao contrário do que defendia Inácio, os leões estão longe de partir da “pole-position” dos candidatos ao título.

O melhor Sporting foi aquele que se viu em Gelsenkirchen ou no Dragão, onde a equipa foi organizada, dominadora, rápida sobre a bola e mostrava movimentações interessantes e jogadas bem elaboradas. O que se tem visto noutros momentos, em especial em Alvalade – frente a Moreirense, Belenenses, Arouca e Paços de Ferreira – é quase uma equipa amadora, onde parece que ninguém treina durante a semana, tantos são os disparates cometidos. As bolas paradas são uma repetitiva nulidade, os passes falhados um ritual, a defesa um tapete vermelho estendido para os adversários pelo meio campo e o ataque um rolo compressor de oportunidades falhadas.

Nos últimos jogos os leões têm actuado com dois avançados deixando o meio campo apenas com dois homens. Sabendo que por norma as equipas pequenas se fecham em Alvalade, exige-se aos rapazes de verde e branco uma entrada a todo gás que permita abrir o marcador e condicionar de imediato a estratégia adversária. Contudo o Sporting tem o dom de oferecer a primeira parte e correr atrás do prejuízo. Jogando apenas com dois médios na zona central do campo, espera-se dos mesmos pulmão, capacidade de pressão e domínio quase total. Adrien não sendo um passador de excelência nunca vira a cara à luta, mas ultimamente não pode ter um dia mau senão acaba engolido pela equipa rival já que William Carvalho está num processo Miguel Veloso – apareceu como atleta fenomenal, mas a sua má forma física e atitude passiva cada vez mais o afastam do futebol que o seu potencial deveria garantir.

wallysson

Wallysson já mostrou futebol suficiente para ser opção regular na equipa A

O 8 ou 80 leonino é claramente um problema de mentalidade, que se agrava se tivermos em conta que a qualidade que vem do banco, para resolver o problema, praticamente não existe. Seria estranho se depois do mercado de Inverno elementos como Heldon, Capel ou André Martins continuassem a ser sequer opções de banco no Sporting. Iuri Medeiros ou Wallysson mesmo competindo num patamar muito inferior, poderiam ser tremendamente mais úteis que elementos desta valia. Já nem falo da necessidade urgente de contratar um defesa central, já que quando um atleta do gabarito de Maurício é titular e pseudo voz de comando da defesa, está tudo dito. O Sporting fracassou na abordagem ao mercado e está a fracassar na abordagem aos jogos. A eliminação na Liga dos Campeões foi um golpe duro, já que mesmo com poucas possibilidades na prova, ficando na Champions os leões sempre amealhavam uns euros e depois dedicavam-se exclusivamente ao campeonato e em último caso, com um bocado de sorte, talvez atingissem milagrosamente os quartos-de-final. Na Liga Europa há diversos emblemas fortes e para ser figura de destaque sem descurar do campeonato é necessário um plantel vasto que o Sporting claramente não tem.

Resta a Marco Silva e companhia arrumar a casa, incutir responsabilidade e mentalidade competitiva à equipa, esperar por Janeiro e lutar por um lugar na Champions já que com a vitória do Benfica no Dragão, o campeonato está arrumado.

PS: A falta de atitude dos jogadores do Sporting atingiu o limite máximo na forma como Montero e companhia festejaram efusivamente o golo do colombiano e nem sequer se preocuparam em pegar na bola para reiniciar o jogo e inverter o marcador nos três minutos que faltavam. Uma autêntica vergonha.

PS1: Que jogo viu ontem Lopetegui? Praticamente em todos os jogos mais duros o seu Porto foi romântico, incapaz e acabou por falhar. Com a qualidade daquele plantel, cheira a fiasco no Dragão.

PS2: É por este falta de humildade e deselegância de quem ainda não venceu nada que Jorge Jesus nunca vai ver as suas enormes qualidades reconhecidas como mereceriam ser.

GOSTOU DESTE ARTIGO? ENTÃO
ENTRE EM https://www.facebook.com/palavrasaoposte, CLIQUE ‘GOSTO’
E ACOMPANHE OS ARTIGOS DIÁRIOS DO PALAVRAS AO POSTE!                     

SONY DSCBruno Gomes

One thought on “Para o ano há mais

  1. o porto falha sempre e mesmo assim esta a frente, o benfica e sempre vergonhosamente 2-0 mas o grande sporting e sempre honrosamente 1-1, e o bruno calimero e que tem toda a humildade e elegancia para reconhecer que os outros so ganham com menos golos anulados enquanto ao sporting perfeito falta sempre sorte, bons jogadores e mais tempo.
    e se escrevesses algo sobre guimaraes e braga, que provavelmente sao mais relevantes para voces do que pensas, hm?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s